Coalização de forças de oposição ao governo Fátima começa a ser sentida em Apodi; Entenda



Por Luis Marinho - Sob um olhar analítico, após o lançamento oficial da pré-candidatura de Fábio Dantas (SDD), ao Governo do RN, em todo o estado começa uma migração e uma coalização de forças que hoje se indetinficam como oposição ao Governo Fátima Bezerra (PT).


Tudo caminha para a unificação de um grande bloco que estava disperso e 'sem norte' para a construção de 'uma chapa forte' que possa enfretar a governadora de igual para igual.


Em Apodi, interior do estado, os reflexãos dessa coalização é sentido já na manhã desta quarta-feira (20), durante as falas dos parlamentares na Sessão Ordinária da Câmara Municipal.


Naturalmente, nomes que já iriam compor um bloco de oposição a Fátima, começam a declarar apoio a chapa encabeçada por Fábio Dantas e Rogério Marinho, pré-candidatos ao Governo e Senado, respectivamente. Como o caso dos vereadores do Solidariedade Angêlo de Dagmar e Gilvan Alves.


Entretando, o que nos chama atenção, são os aliados, ou melhor, descontentes pela formação da futura chapa Fátima, Walter e Carlos Eduardo (PT-MDB-PDT), que começam também a se posicionar e 'declarar' apoio ao palanque de oposição.


Num choque ideólogico, o Prefeito Alan Silveira (MDB), começa a perder aliados de primeira instância, que não irão migrar e acompanhar o presidente estadual do MDB no RN, Walter Alves (Deputado Federal), na composição de uma chapa com a petista Fátima.


Resta-nos aguardar os próximos capítulos dessa 'novela' chapada pré-campanha.



0 comentário