Povos indígenas começam a ser imunizados no município de Apodi


Comunidade indígena começa a ser imunizada / Foto: Facebook Lucia Paiacu Tabajara

Nesta quarta-feira (03), dando continuidade a vacinação contra a Covid-19, a Prefeitura de Apodi vacinou 84 pessoas indígenas no município. De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, a cidade recebeu, na última quinta-feira (24), 110 doses destinadas à comunidade indígena Tapuias Paiacus da Lagoa do Apodi.


O plano de imunização contra a Covid-19 segue em andamento no município. Desta vez, em vacinação ocorrida na sede (em construção) que abrigará o Museu do Índio, às margens da Lagoa do Apodi, famílias reconhecidas como indígenas, receberam as primeira dose do imunizante, fabricada em parceria da Fiocruz, a Universidade de Oxford e a empresa biofarmacêutica global Astrazeneca.


No Rio Grande do Norte, os indígenas começaram a ser vacinados contra a Covid-19 na última sexta-feira (26). Nesta primeira etapa, oito municípios foram contemplados: Goianinha, Baía Formosa, Assu, Apodi, João Câmara, Jardim de Angicos, Macaíba e Natal. A capital potiguar, porém, não utilizou as doses por não reconhecer população indígena no seu território, o que foi rebatido pela Sesap, provocando a medida do MPF.


"Não cabe aos governos federais, estaduais ou municipais deixar de reconhecer a identidade dos povos indígenas, sobretudo utilizando disso como argumento para negar a efetivação de seus direitos específicos, devendo, pelo contrário, respeitar sua autoidentificação e a suas instituições representativas e empreender esforços para implementação das políticas públicas necessárias à garantia de seus direitos", ressalta o documento assinado pelos procuradores da República Camões Boaventura e Victor Mariz.


A Secretaria Municipal de Saúde ainda informou que está concluindo a etapa de vacinação em idosos de 80 a 85 anos. Seguindo o cronograma estabelecido pelo Plano Nacional de Vacinação e pela Secretaria de Estado da Saúde Pública - SESAP.



0 comentário