Prefeito de Apodi afasta cerca de 100 Servidores Públicos Municipais




Nesta segunda-feira (26), foi publicado no Diário Oficial dos Município - FEMURN o afastamento de cerca de 150 Servidores Públicos da Prefeitura Municipal de Apodi, em decorrência do Processo Administrativo Disciplinar – PAD, instaurado pela portaria nº 0241/2021 - De 09 de março de 2021.


Além do afastamento das atividades laborais, as portarias publicadas, declararam vagos os cargos dos respectivos servidores. Abrindo espaço para preenchimento (acreditamos que via concurso público) dessas vagas em vacância.


O portal, ao questionar alguns servidores, os mesmos alegaram total insegurança com esse afastamento e perca do cargo, dada a declaração de "vago". Muitos perguntaram: "Mas quem irá ocupar esses cargos? Haverá novo concurso público? Ou será via indicação política?"


Os levantamentos apontados ainda não foram respondidos pelo chefe do executivo municipal de Apodi. Desde o início do processo, o Palácio Francisco Pinto ainda não se manifestou oficialmente sobre o assunto. Ao que consta, o concurso vigente atualmente no município não cobre todos os cargos que abriram vacância através desses afastamentos.


Em ato simbólico realizado há alguns meses, o SINTRAPMA, após emitir Nota de repúdio contra o Prefeito Alan Silveira e sua decisão - estendeu faixas de protesto em frente a Prefeitura Municipal: [Relembre o caso].

0 comentário