Profissionais da Educação da Rede Pública Municipal de Apodi só retornam às aulas após vacinação



Em assembleia virtual realizada na quinta-feira (15) passada, pelo Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais de Apodi (Sintrapma), profissionais que atuam na Educação municipal aprovaram que as aulas presenciais ou híbridas no município só aconteçam após a vacinação de toda a categoria.


No momento atual, os professores e funcionários defendem que as aulas permaneçam acontecendo de forma exclusivamente remota. Para o presidente do Sindicato, Ozamir Lima é unanimidade o entendimento de que ainda vivemos momentos difíceis e as condições são muito adversas e é preciso entender que o momento é grave e exige união, prudência e sensibilidade, pois existe o risco de aumento dos contágios e que as escolas ainda não prepararam a estrutura física para o retorno e não apresentam estrutura tecnológica para garantir o ensino híbrido de qualidade.”


O SINTRAPMA alerta que caso as aulas presenciais ou híbridas sejam liberadas nas escolas, especialmente nas escolas da Rede Pública de Ensino – onde a estrutura física é deficiente e não há um rígido protocolo de biossegurança –, mais pessoas estarão expostas ao vírus e, consequentemente, a morte.

0 comentário