[Corrida Eleitoral]: Brenno Queiroga entra na disputa ao Governo do Estado


Foto: Reprodução / Blog Ismael Sousa

Por Luis Marinho - a corrida eleitoral pelo Governo do Estado, em 2022, ganha oficialmente novo nome na disputa: trata-se do ex-prefeito de Olho d´Água dos Borges e atual secretário de planejamento, em Mossoró, Breno Queiroga.


Seu nome já vinha sendo divulgado por apoiadores, mas nesse sábado (27), em passagem por Apodi, participou do programa Pauta Aberta, na rádio Cidade 87.9 FM, apresentado pelo vereador Gilvan Alves, onde confirmou a construção de sua pré-candidatura.


Seu projeto político conta com o apoio da bancada Solidariedade na Assembleia Legislativa, do prefeito Allyson Bezerra e do presidente da Câmara de Mossoró Lawrence Amorim, segunda maior cidade do Estado. Breno vai para a sua segunda disputa ao governo.


Em 2018, foi escalado pelo partido nos 45 minutos do segundo tempo, e teve um ótimo desempenho e uma votação expressiva, obtendo 106.345 votos dos potiguares. Na entrevista, Brenno chegou a afirmar que: "nosso grupo conseguiu dar mais de 106 mil votos a um candidato ao governo. Hoje, esse grupo é no mínimo 3 vezes maior. Se naquela epoca a gente conseguiu juntar esse votos, hoje a gente consegue juntar 400 mil votos para ir para o segundo turno."


Em Mossoró, por exemplo, nas eleições de 2018, sua votação chegou a superar a chapa do então governador Robinson Faria (PSD), que tinha o empresário Tião Couto como vice. Breno teve 11.810 votos, enquanto que Robinson obteve apenas 8.996.



Os Demais Candidatos:

A corrida eleitoral, atualmente, conta com a liderança da Governadora Fátima Bezerra (PT), que irá tentar sua reeleição, em primeiro, seguida pelo ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT). Em disputa direta entre os dois, em 2018, a atual governadora ganhou com maioria expressiva.


Porém, outros nomes também estão postos na disputa, como é o caso de Clorisa Linhares, ex-vereadora em Grossos, pelo Brasil 35; e do Deputado Federal, Benes Leocádio, pelo Republicanos.


Ao todo, acreditamos que teremos de 5 a 6 nomes disputando o posto de Chefia do Estado do Rio Grande do Norte. Estamos a pouco menos de um ano do pleito eleitoral, com isso, os cenários começam a se desenhar e ganhar forma.

0 comentário